Pelé quer proibir uso de canudinhos no comércio

Pelé quer proibir uso de canudinhos no comércio
Fonte: Webdiario


A proposta vale para restaurantes, bares, lanchonetes, barracas, ambulantes e similares, que serão obrigados a fornecer somente canudos de papel biodegradável ou reciclável embalados individualmente
O vereador Pelé da Cândida (PSC) quer proibir a utilização de canudos e sacolas plásticas em Osasco. A proposta vale para restaurantes, bares, lanchonetes, barracas, ambulantes e similares, que serão obrigados a fornecer somente canudos de papel biodegradável ou reciclável, embalados individualmente com material semelhante. O projeto dispõe sobre a obrigatoriedade da utilização de sacolas e canudos oxibiodegradáveis, biodegradáveis e compostáveis em todo o município, para isso, os estabelecimentos deverão possuir certificados dos fornecedores que atestam as qualidades dos produtos e terão prazo de até 24 meses para se adequarem à Lei.

De acordo com a justificativa do autor, o projeto está diretamente ligado a proteção do meioambiente, já que o plástico demora mais de 100 anos para se decompor e é uma das principais causas de poluição de rios, córregos e mares. Pelé também entende que a proposta é de interesse do município, por estar relacionada à gestão dos resíduos sólidosproduzidos na localidade, “especificamente das sacolas plásticas, que parecem ser um problema paraos municípios paulistas”. Osasco não é a primeira cidade na região a levantar a questão dos canudos plástico.
continue a ler aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *