COVID-19 Impacto no mercado de embalagens por tipo de material (plásticos / polímeros, papel e cartão, vidro e metal) – BI 01/07/2020

COVID-19 Impacto no mercado de embalagens por tipo de material (plásticos / polímeros, papel e cartão, vidro e metal), aplicação (cuidados de saúde, alimentos e bebidas, higiene doméstica, beleza e cuidados pessoais e elétrica e eletrônica) e região – Previsão global para 2021

Boletim do Instituto IDEAIS – BI 01/07/2020
Fonte: Research and Markets – Tradução resumida, parcial e livre

O tamanho do mercado global de embalagens durante a pandemia de COVID-19 deve crescer de US$ 909,2 bilhões em 2019 para US$ 1.012,6 bilhões até 2021, a uma taxa anual composta 5,5% como o resultado mais provável , com o melhor cenário refletindo um crescimento de 9,2% e o pior cenário com um crescimento de 2,2%.

Com base na aplicação, a saúde é um dos segmentos que mais crescem em meio a essa pandemia

Durante a pandemia do COVID-19, estados e municípios estão praticando extrema cautela para evitar a disseminação do corona vírus. Produtos de saúde, como seringas, frascos e cartuchos, são necessários em larga escala em meio a essa pandemia para atender à crescente demanda global.
O segmento de embalagens plásticas é projetado para liderar o mercado durante o período de previsão.

Com base no tipo de material, o plástico é projetado para liderar o mercado de embalagens durante o período. O plástico é descrito como sendo muito necessário, e várias medidas estão sendo tomadas para reverter temporariamente as proibições de sacolas plásticas de uso único ou parar a implementação das leis de proibição em todo o estado. Como a demanda de muitas indústrias está crescendo, o uso de embalagens plásticas também sofrerá um aumento significativo durante essa crise.

Os tamanhos de mercado estimados neste estudo foram validados por meio de entrevistas primárias realizadas com vários especialistas do setor em todo o mundo.

O relatório apresenta perfis dos principais players do mercado de embalagens que incluem empresas como Amcor (Austrália), Ball Corporation (EUA), Bizongo (Índia), International Paper (EUA), Tetra Pak (Suíça), Berry Global Inc. (EUA) ), DS Smith Plc (Reino Unido), Mondi Group (Áustria), Macfarlane Group Plc (Reino Unido) e Smurfit Kappa (Irlanda).

Cobertura de Pesquisa
O objetivo deste estudo é definir, descrever e prever o impacto do COVID-19 no mercado de embalagens com base em várias segmentações e analisar estrategicamente esses segmentos de mercado com relação às tendências de crescimento individuais, perspectivas de crescimento e contribuição para o crescimento geral. Neste relatório, o setor de embalagens foi segmentado com base na aplicação, tipo de material e região.

Pesquisa primária
No processo de pesquisa primária, várias fontes primárias, tanto do lado da oferta quanto da demanda, foram entrevistadas para obter informações qualitativas e quantitativas para este relatório. As principais fontes do lado da oferta incluíam especialistas do setor, como diretores de marketing, consultores, gerentes e executivos-chave relacionados das principais empresas e organizações que operam no mercado. As principais fontes do lado da demanda incluíam técnicos de laboratório, tecnólogos e gerentes de vendas / compras dos setores de uso final.

Para adquirir o relatório e ler o resumo completo em inglês, clique aqui

Os comentários estão encerrados.